Prefeitos do Litoral Norte requerem melhorias ao governo do estado | Sistema Costa Norte de Comunicação
|
Foto: Divulgação/PMSS

Prefeitos do Litoral Norte requerem melhorias ao governo do estado

Da Baixada Santista, participou da reunião no Palácio dos Bandeirantes o prefeito de Bertioga, Caio Matheus

30 de janeiro de 2019 Última atualização: 11:03
Por Da Redação
Foto: Divulgação/PMSS

Foto: Divulgação/PMSS

Foto: Marielle Fernandes/PMC

Foto: Marielle Fernandes/PMC

Foto: Marielle Fernandes/PMC

Os prefeitos de três dos quatro municípios do Litoral Norte reuniram-se na segunda-feira, 28, no Palácio dos Bandeirantes, na capital, com os secretários de Logística e Transporte, João Octaviano Machado Neto,  de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, junto  com o deputado estadual, Antonio Carlos Junior, para tratar assuntos relacionados a repasse de verbas, melhoria na travessia das balsas, recapeamento da Rodovia SP-55 e Rodovia dos Tamoios. Da Baixada Santista, participou do encontro o prefeito de Bertioga, Caio Matheus.

 

Para o prefeito de São Sebastião, Felipe Augusto, desde os primeiros dias de mandato o governador João Doria tem demonstrado comprometimento com o Litoral Norte. Disse ele: “Só temos a agradecer ao nosso governador que não tem medido esforços para buscar as melhores alternativas de avanço para a região”.

 

No encontro, foram traçadas as estratégias de trânsito e travessia de balsa para o Carnaval e apoio aos municípios do Litoral Norte. O prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Junior, aproveitou a oportunidade para solicitar algumas medidas durante os dias do feriado. Ele destacou: “Pedimos a paralisação das obras do trecho de Serra da Tamoios no período de quinta-feira antes do Carnaval até a quinta-feira pós Carnaval para dar mais agilidade ao trânsito. Além disso, solicitamos uma operação especial para a subida dos caminhões de lixo pela Serra e a utilização de cones na SP-55, no trecho da Massaguaçu, com o objetivo de liberar mais faixas para fluidez de veículos”.

 

Outra demanda apresentada por Aguilar Júnior foi a prorrogação da Operação Verão da Polícia Militar, que encerra no dia 8 de fevereiro. O pedido é de que o período se estenda até a quarta-feira de Cinzas. Além disso, ele aproveitou a oportunidade para entregar uma lista de reivindicações para intervenções que são de competência do governo do estado, como o recapeamento do trecho urbano da SP-55; a instalação da Unidade de Oncologia junto ao Hospital Regional; e a liberação dos recursos na ordem de R$ 7 milhões oriundas do Dade (Departamento de Apoio e Desenvolvimento às Estâncias) destinadas a obras de infraestrutura turísticas na cidade.

 

O prefeito Márcio Tenório, de Ilhabela, foi representado pelo secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e do Turismo, Ricardo Fazzini. Ele destacou a promessa do estado na realização da Operação Tapa Buraco e o recapeamento da Rodovia SP-131, que deve iniciar em breve. Para a região, também foi pautada a travessia do canal, que já está operando com sete embarcações, além do catamarã.


Além disso, o trabalho das quatro cidades do Litoral Norte para frear o turismo de um dia também foi tema do encontro. Como resultado, foi combinado que a Dersa fiscalizará os ônibus nas estradas que acessam os municípios. O secretário Ricardo Fazzini também reiterou o pedido ao prefeito Felipe Augusto sobre a possibilidade de proibir o acesso dos ônibus turísticos no centro e na área portuária em São Sebastião.

 

Estavam presentes o diretor-presidente da Dersa, Milton Roberto Persoli, além do prefeito de Ubatuba, Délcio Sato e de Bertioga, Caio Matheus.

 

Bertioga

O prefeito Caio Matheus comentou que a principal pauta do encontro, para todas as cidades, foram os preparativos da Operação Verão do Carnaval, com foco no serviço de balsas e tráfego da rodovia Rio-Santos. Disse ele: "Foi combinada uma visita dos técnicos do Dersa e do DER até semana que vem em todas as cidades para conversar com as diretorias de trânsito, no caso do DER, e fazer um serviço conjunto na operação de trânsito da Rio-Santos. Na questão da balsa, da Dersa, foram garantidas duas balsas em operação na nossa travessia".


Além disso, também foi colocada em pauta a possível mudança do contrato de manutenção das balsas, para um modelo que garanta resultados mais rápidos no caso de problemas técnicos, no intuito de garantir o serviço. O prefeito detalhou que, para o trecho da Rio-Santos em Bertioga, foi proposta melhoras na sinalização, tanto horizontal quanto vertical e o estudo de, em alguns trechos, ocorrer a liberação do acostamento e, assim, aumentar a capacidade de fluxo de tráfego. 


Recentemente, o município teve dois convênios com o DadeTur cancelados pelo Secretário de Turismo do estado, Vinicius Lummertz, que mandou rescindir 14 convênios com cinco, das nove cidades da Baixada Santista. Esse tema não foi colocado na pauta do encontro, no entanto, Caio Matheus adiantou que o assunto será discutido em uma reunião na próxima semana entre os secretários de Turismo e Obras do município e o secretário de estado da pasta.


Os repasses cancelados somam R$ 2.895.711,33, e seriam destinados a requalificação da avenida Anchieta e à implantação de um portal na entrada da cidade, na avenida 19 de Maio, no Albatroz. Individualmente, os convênios eram na ordem de, respectivamente, R$1.895.711,33 e de R$1.000.000.


Disse o prefeito: "Na verdade, os convênios foram suspensos temporariamente, e aguardamos com ansiedade porque são duas obras importantes para o município, já aprovadas, convênio assinado, e que eu iria licitar semana passada para iniciar as obras neste semestre". Ainda, ele afirmou ter solicitado o apoio do secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, para que ele auxilie o município e reforce a necessidade dessa demanda para Bertioga.


26620
Últimas Notícias

Os melhores do litoral

Confira algumas das melhores dicas de todo o litoral