Preso homem que furtou arma de policial morto em Vicente de Carvalho | Sistema Costa Norte de Comunicação
|
Preso homem que furtou arma de policial morto em Vicente de Carvalho
Foto: Reprodução/G1 Santos

Preso homem que furtou arma de policial morto em Vicente de Carvalho

Homem que furtou a arma do cabo da PM José Aldo dos Santos foi preso em flagrante próximo a Monte Cabrão, em Santos

27 de setembro de 2018 Última atualização: 16:36
Por Da Redação

Um homem foi preso em flagrante na tarde de quarta-feira, 26, próximo a Monte Cabrão, em Santos, pelo furto da arma do cabo da Polícia Militar José Aldo dos Santos, de 49 anos, executado com mais de 70 disparos de fuzil em seu carro na manhã do mesmo dia no distrito de Vicente de Carvalho, em Guarujá.

Após o encontro do cadáver do policial, Jair Honorio dos Santos, 47 anos, foi visto por moradores mexendo no veículo e pegando a arma funcional da vítima. Segundo a polícia, a ação foi flagrada por câmeras de monitoramento.

As investigações levaram à identificação e localização de Jair em uma propriedade rural nas proximidades do bairro Monte Cabrão, em Santos. Questionado, ele revelou aos policiais civis e militares que escondeu a arma no forro do banheiro de sua casa, no distrito de Vicente de Carvalho, em Guarujá.

Em buscas no imóvel, instalado na mesma rua do crime, os policiais encontraram e apreenderam o revólver. Jair foi preso em flagrante por furto e encaminhado à Cadeia Pública de Guarujá, onde ficará à disposição da Justiça.

Entenda o caso

Um policial militar a paisana, 49 anos, foi executado, na manhã de quarta-feira, 26, no distrito de Vicente de Carvalho, em Guarujá. Os autores efetuaram cerca de 50 disparos de fuzil contra o carro do PM. Informações preliminares apontam que ele já vinha sofrendo ameaças, e que trabalhava há 23 anos na corporação. Atualmente, ele era lotado na 3ª Cia de Polícia Militar, em Bertioga.

Segundo a PM, por volta das 7h30, um automóvel de cor preta, com quatro indivíduos, fechou o veículo de passeio de José Aldo dos Santos, cabo da PM, que trafegava pela rua Maranhão. Em seguida, dois homens armados com fuzis desceram e passaram a disparar contra o policial. Os criminosos fugiram e o carro utilizado pela quadrilha foi encontrado queimado, por volta das 10 horas, no bairro Monte Cabrão. O caso está sendo investigado.

Comentários
22128
Últimas Notícias