Orquestra Jovem Tom Jobim celebra Dia dos Pais em Ilhabela | Sistema Costa Norte de Comunicação
|
Foto: Divulgação

Orquestra Jovem Tom Jobim celebra Dia dos Pais em Ilhabela

Concerto integra a programação gratuita do Festival Vermelhos, que segue até o dia 18

07 de agosto de 2018 Última atualização: 12:49
Por Da Redação

No Dia dos Pais, celebrado neste ano no dia 12 de agosto, moradores e turistas contarão com apresentação gratuita da Orquestra Jovem Tom Jobim, no Festival Vermelhos. A apresentação, que inicia às 11 horas, acontecerá no Centro Cultural Baía de Vermelhos, com Nelson Ayres e Tiago Costa, na regência; Mônica Salmaso, no canto; Zé Leônidas, no canto e ainda Madrigal do Coral Jovem do Estado de São Paulo.

O concerto é uma retrospectiva da obra musical composta para o teatro por Edu Lobo e Chico Buarque de Hollanda, dois dos mais influentes compositores de toda a história da música brasileira. “Será uma belíssima apresentação, que poderá ser apreciada por nossos munícipes, veranistas e turistas. O Festival Vermelhos, reúne grandes nomes da música clássica em nossa ilha e poder proporcionar o contato de toda essa cultura para nossa gente é gratificante”, declarou o prefeito Márcio Tenório.

O Festival Vermelhos, prosseguirá até o dia 18 de agosto. “Ao todo serão três apresentações gratuitas. Uma delas já ocorreu na Paróquia Nossa Senhora Aparecida na Barra Velha, no domingo, 5. A próxima será a do Dia dos Pais e a última, no dia 18, será na igreja Nossa Senhora D’Ajuda e Bonsucesso”, explicou o secretário de Cultura, Nuno Gallo.

O festival Vermelhos 2018 é uma realização do Ministério da Cultura, Governo Federal, prefeitura de Ilhabela e Instituto Baía dos Vermelhos, com patrocínio da Fundação Galeto’s, Rosset e Klabin.

Instituto Baía dos Vermelhos

O Instituto Baía dos Vermelhos é o mantenedor do Centro Cultural Baía dos Vermelhos. Concebido como um programa de integração social, é um complexo e uma instituição de produção e distribuição cultural situado próximo à Baía dos Vermelhos (nome que faz referência ao Vermelho, peixe típico da região), na ilha. Os espaços que integram o Centro Cultural são o Teatro de Vermelhos, o Anfiteatro da Floresta e a Residência de Vermelhos, onde são desenvolvidas atividades pedagógicas que promovem a criação e a ampliação de oportunidades no campo das manifestações artísticas e culturais.

Programação da semana

Sexta-feira, 10, às 20h30 | Teatro de Vermelhos | Thiago Soares e Marcelo Bratke com o espetáculo “Sumaúma”.

O primeiro bailarino do Royal Ballet de Londres, Thiago Soares, se junta ao pianista Marcelo Bratke, em um solo for two, para explorar as raízes da música e da dança no continente americano, inspirados pelo simbolismo da grande árvore da floresta amazônica Sumaúma.

Sábado, 11, às 11h | Anfiteatro da Floresta | São Paulo Piano Quartet

O quarteto é composto por Maria Fernanda Krug (violino); Bruno de Luna, (viola); Mariana Amaral, (violoncelo), e Paulo Henrique Almeida (piano). O São Paulo Piano Quartet, grupo formado em 2014 por importantes instrumentistas do cenário musical brasileiro, apresentará repertório baseado em obras de Camille Saint-Saëens e Richard Strauss. O grupo já se apresentou nas mais importantes séries de música de câmara.

A partir das 15h | Anfiteatro da Floresta, Cida Moreira | “Na Trilha do Cinema”.

Cida Moreira (canto e piano); Omar Campos (arranjos, violões e contrabaixo), e Yuri Salvagnini (piano e acordeão), sob direção artística e roteiro de Cida Moreira e cenários de Humberto Martins, apresentarão o espetáculo em referência aos 100 anos do cinema brasileiro. Baseado em uma ampla pesquisa, o show – que mostra uma retrospectiva das mais importantes canções compostas para o cinema brasileiro desde seus primórdios, reunidas por Cida Moreira – já rodou o Brasil e vem ao Vermelhos 2018 em razão de sua pertinência e beleza que abarca todos os gêneros musicais brasileiros.

Às 16h | Anfiteatro da Floresta | Olívia Hime e Francis Hime  | “Sem Mais Adeus”.

A apresentação traz Olívia Hime (canto) e Francis Hime (canto e piano). Dirigidos por Flávio Marinho, prestam homenagens a Vinícius de Moraes, o primeiro parceiro de Francis Hime. No espetáculo, com o formato de piano e vozes, são apresentadas músicas de Vinícius com vários de seus parceiros como Tom Jobim, Carlos Lyra, Baden Powell, Toquinho e o próprio Francis. Compositor que integrou o movimento da música brasileira iniciado com a bossa nova, Francis Hime é um dos principais protagonistas da MPB (Música Popular Brasileira), a partir dos anos 1960.

Às 20h30 | Teatro de Vermelhos | Concerto em Duos

O show terá Fábio Zanon (violão), Francis Hime (piano), a soprano Carla Cottini (canto), e Ricardo Ballestero (piano).  Os matizes variados da instrumentação são explorados em concertos baseados em duos, com as junções de voz e piano e de violão e piano. Na primeira parte do programa, a soprano Carla Cottini e o pianista Ricardo Ballestero apresentarão obras de Villa-Lobos e Richard Strauss. Na segunda parte, o Concerto para Violão e Orquestra de Francis Hime – executado pela primeira vez em 2008 pela Osesp –, será interpretado em uma redução para violão e piano, com o violonista Fábio Zanon e o próprio autor.


 

Últimas Notícias